EQUITAÇÃO | O CAVALO IDEAL

Um cavalo para que seja ideal à equitação deverá possuir equilibrio de aprumos, ou seja, espáduas, garupa, pescoço, cabeça, coluna, ângulos proporcionais de acordo com o que rege padrões raciais e biométricos para um cavalo de sela equestre, assim como temos cavalos de corrida e de tração que exigem uma biomecânica diferente para a função do que irá exercer.
Um cavalo deve ter facilidade e engajamento de seus posteriores, flexibilidade natural de seus movimentos, ritmo que possa ser facilmente transformado em cadência, facilidade de reunião, facilidade e elasticidade em seus movimentos. A entrada dos posteriores embaixo da massa deve ser natural, a elasticidade de seus movimentos e transições devem ser ágeis.
Deve ser muito observado o pescoço, a região garganta/nuca para que tenha a devida flexão, o pescoço devrá possuir a musculatura superior mais desenvolvida e convexa do que a inferior, que deve se apresentar de forma côncava menos desenvolvida.
Temperamento, atitude, agilidade, sensibilidade devem ser avaliadas, já que estará ai a capacidade  de entendimento às ajudas e cumplicidade entre cavalo e cavaleiro .
Para saber mais verifique as leituras que são indicadas.

 

GALERIA DE FOTOS

Clique sobre a imagem desejada para ampliá-la:

  • UM CAVALO EQUILIBRADO CONSEGUIRA REALIZAR PARADAS BRUSCAS....
  • MATRIZ TOM MACKATION

VÍDEO

EQUITAÇAO FINA